Artículos de: Enero, 2015

Odiario

“Falta coragem e esconde-se o determinante tema da Dívida quando se fala em reestruturações ou auditorias”

“As Marchas da Dignidade constituem um importante marco unitário da mobilização social. A sua capacidade de mobilização passa por cima do tsunami eleitoral e são capazes de articular o instinto de uma parte importante do povo trabalhador que sabe que sem luta e sem força organizada não somos capazes de acabar com o poder que nos subjuga.”

Odiario
Odiario

A saúde não tem preço*

Jorge F. Seabra    30.Ene.15    Outros autores

«A saúde não tem preço», diz o povo. Mas essa valorização primordial da Saúde, que teve como reflexo a massificação do seu acesso com a organização do Serviço Nacional de Saúde (SNS) após o 25 de Abril, pode ser olhada de formas diversas: como um bem colectivo cujo custo é partilhado por todos e assegurado pelo Estado ou como uma oportunidade de negócio para benefício de alguns.

Odiario
Odiario

Estamos à beira da total autodestruição?

Noam Chomsky    29.Ene.15    Outros autores

Noam ChomskyTanto do ponto de vista ambiental como do ponto de vista do risco de uma guerra nuclear a perspectiva de uma catástrofe global existe e agudiza-se. Mas o imperialismo é indiferente a tais riscos, e parece incapaz de arrepiar caminho.

Odiario
Odiario

Entrevista da Anncol a Joaquín Gómez, comandante do Bloco Sul das Farc-EP, recém-chegado a Havana

Dick Emanuelsson    27.Ene.15    Outros autores

Esta entrevista com um dos membros do Secretariado do Estado-Maior Central das FARC-EP foi realizada no final do ano de 2014. Não perdeu actualidade. Mas é necessário recordar que, já depois dela, as FARC denunciaram o comportamento do governo e do exército colombiano face ao cessar-fogo unilateral que tinham decidido. A um inequívoco gesto de paz o poder colombiano responde com o recrudescimento das acções militares.

Odiario
Odiario

França prende humorista por comentários no facebook, mostrando a farsa da celebração da “liberdade de expressão” ocidental

Glenn Greenwald    27.Ene.15    Outros autores

O objectivo e o efeito das leis que criminalizam certas ideias e aqueles que as apoiam é codificar um sistema em que as opiniões que lhes agradam são santificadas e os grupos a que pertencem sejam protegidos. As opiniões e os grupos que mais lhes desagradam, e só eles, são boa caça para a opressão e a degradação.

Odiario