Autor: “Jorge Cadima”

Odiario

Ameaças*

Jorge Cadima    14.Oct.16    Destaques

Recrudesce a agressividade do discurso do círculo dirigente dos EUA contra a Rússia capitalista. Um chefe militar fala em “esmagá-la”, outro praticamente anuncia uma escalada terrorista em território russo. A voz do partido da guerra soa cada vez mais alto, e concentra-se no ataque à segunda maior potência nuclear do mundo. Nunca a luta pela paz e contra a loucura belicista foi tão urgente.

Odiario
Odiario

A propaganda bélica é feita de mentiras bem publicitadas

Jorge Cadima    12.Sep.16    Outros autores

Jorge Cadima apresenta neste artigo exemplos de mentiras difundidas pela propaganda ocidental que serviram para campanhas de desinformação amtirussas ou contra o governo legítimo da Síria.

Odiario
Odiario

A via da guerra é um perigo enorme
Milosevic e a actualidade

Jorge Cadima    08.Sep.16    Outros autores

«Slobodan Milosevic morreu há dez anos nos calabouços do «tribunal» especial criado pelos carrascos da Jugoslávia, o ICTY.»

Odiario
Odiario

Apologistas do terror

Jorge Cadima    09.Ago.16    Destaques

«Quem proclama publicamente o seu «direito» de matar centenas de milhares de crianças e de inocentes, não se achará também no «direito» de tentar salvar o seu sistema de poder e riqueza pela via da provocação e do terror?»

Odiario
Odiario

Provocadores NATOs

Jorge Cadima*    18.Jun.16    Outros autores

Se está agora em curso as provocatórias manobras da NATO que «envolvem uma operação em tenaz, cercando o enclave russo de Kalininingrado», dentro de algumas semanas a aquele aliança militar responsável por milhões e milhões de mortes irá comemorar o 75º aniversário da invasão nazi da URSS com outra provocação: «blindados alemães irão atravessar [a polónia]de Oeste para Leste…».
«É tempo de dizer basta a esta máquina de guerra, agressão e provocação».
E também morte.

Odiario
Odiario

Ilusões e luta

Jorge Cadima*    13.May.16    Outros autores

Jorge Cadima analisa, com exemplos da vida na Europa dos nossos dias, como a social-democracia e a esquerda que se diz radical aproveitam o descontentamento dos povos para, prometendo o fim da austeridade traem os povos que os elegem.
A sementeira de ilusões que fazem no campo fértil dos condenados da Terra é o seu contributo para a tentativa de salvação o sistema de exploração e os seus instrumentos de opressão.

Odiario
Odiario

Obama e os direitos Humanos nos EUA

Jorge Cadima*    10.Abr.16    Outros autores

A primeira eleição de Barack Hussein Obama, o primeiro e até agora único presidente dos EUA preto, levou às lágrimas por todo o mundo, democratas e progressistas de diferentes opções partidárias.
A menos de um ano do fim do seu último mandato e apesar ridícula e descredibilizada atribuição do Prémio Nobel da Paz Obama é o principal responsável político pela ‘legitimação’ da tortura e da violação dos mais elementares direitos humanos.
Continua a sua cruzada de sempre, a defesa do imperialismo norte-americano, com as mesmas armas usadas há 8 anos para “roubar” a Hillary Clinton o apoio do lobby sionista norte-americano: um enorme domínio das técnicas e tecnologias da comunicação, com que esconde o seu cinismo sem limite.

Odiario