O agravamento das desigualdades de rendimentos entre Portugal e a UE e também em Portugal

Eugénio Rosa    04.Jun.17    Outros autores

O rendimento médio em Portugal tem diminuído nos últimos anos e é apenas 52% da média da UE. Mas o rendimento mais elevado no nosso país é 155 vezes superior ao mais baixo. O rendimento médio desce, as desigualdades acentuam-se. São elementos que os dados do IRS ilustram. E recorde-se que uma parte significativa dos rendimentos de Capital e de Propriedade “fogem” ao pagamento de IRS. Se fossem incluídos, as desigualdades seriam ainda muito maiores.

Leer texto completo [PDF]

Gostaste do que leste?

Divulga o endereço deste texto e o de odiario.info entre os teus amigos e conhecidos