Artículos de: Enero, 2014

Odiario

Três notícias*

Filipe Diniz    18.Ene.14    Colaboradores

No xadrez da política internacional o capital monopolista coloca as suas peças com grande à-vontade, graças à cumplicidade de governos servis, e a um poderio económico e político muito superior ao da grande maioria dos Estados. Um exemplo, que corresponde ao quadro actual do imperialismo: a empresa Sacyr - que agora lançou uma operação de chantagem sobre o governo panamiano - facturou no primeiro semestre de 2013 1,6 milhares de milhões de euros. A parte da produção de ópio no PIB do Afeganistão foi, em 2005, 2,6 milhares de milhões de dólares.

Odiario
Odiario

Mandela: Da Revolução Democrática à Contra-revolução Liberal

Inimigos jurados da libertação dos povos, aliados firmes do iníquo regime do apartheid, gente que tem no seu currículo não só a identificação de Mandela como “terrorista” mas que teve intervenção directa na sua prisão e nos seus longos anos de cativeiro, todos apareceram a homenageá-lo quando do seu falecimento. Tanto Mandela como o presente e o futuro do povo da África do Sul exigem, não hipocrisia e mentira, mas reflexão séria sobre o caminho percorrido e sobre as muitas esperanças até agora frustradas.

Odiario
Odiario

A companheira de Marulanda recorda a luta e a sua vida ao lado do guerrilheiro

«Nas FARC combatemos o machismo e pela igualdade de direitos entre géneros»

Odiario
Odiario

O pragmatismo terrorista do império

José Goulão    14.Ene.14    Outros autores

José GoulãoA Turquia está a braços com um caso de alta corrupção governamental. Trata-se nem mais nem menos do canal através do qual milhares de milhões de dólares são enviados para a Al-Quaeda, o expoente máximo – segundo os EUA – do terrorismo mundial. Quer dizer: expoentes da NATO financiam um grupo que se destaca na guerra contra a Síria enquanto a estrutura sustentada pela rede da NATO o combate no Iraque.

Odiario
Odiario

A má distribuição da carga fiscal em Portugal, o agravamento das desigualdade e a manipulação do factor de sustentabilidade

Eugénio Rosa    13.Ene.14    Outros autores

É habitual a afirmação de que a carga fiscal em Portugal é muito elevada, atingindo já níveis incomportáveis. No entanto, quando se fazem comparações internacionais nomeadamente com os países que integram a U:E, os dados parecem não confirmar tal afirmação.

Odiario
Odiario
Nota dos Editores

Populismo sem vergonha

Os Editores    12.Ene.14    Destaques

Odiario