Artículos de: Julio, 2017

Odiario

China e África estreitam relações*

As peças do complexo xadrez geoestratégico mundial continuam em movimento. A notícia do estabelecimento de uma base de apoio do Exército de Libertação Popular chinês no Djibuti é decerto um elemento muito relevante nesses termos.

Odiario
Odiario

Votação histórica na ONU pela proibição das armas nucleares

A conferência da Organização das Nações Unidas para a negociação de um tratado de proibição das armas nucleares aprovou o respectivo tratado com um único voto contra. Os países membros da NATO estiveram quase na totalidade ausentes incluindo o governo português, que prefere alinhar com essa aliança agressiva em vez de dar cumprimento à Constituição da República.

Odiario
Odiario

A Palestina é ainda a questão

John Pilger    20.Jul.17    Outros autores

«O que enraivece quem coloniza e ocupa, rouba e oprime, vandaliza e destrói é a recusa das vítimas em obedecer. E é este o tributo que todos devíamos pagar aos palestinianos. Recusam obedecer. Continuam. Esperam. Até lutarem de novo. E fazem isso, mesmo quando os que os governam colaboram com os opressores.»

Odiario
Odiario

A Lenin Moreno parece urgente distanciar-se de Rafael Correa

Dax Toscano Segovia    19.Jul.17    Outros autores

Já em Fevereiro deste ano, em Nota dos Editores, odiario.info manifestava apreensão acerca da evolução da situação no Equador após as eleições presidenciais. O candidato de Alianza País, a força política a que pertence Rafael Correa, venceu Guillermo Lasso, candidato da direita. Mas o seu desempenho como presidente parece até ao momento confirmar as apreensões então manifestadas

Odiario
Odiario

Adeus às armas, adeus à guerra
Benvinda a paz

Esta foi intervenção feita em nome das FARC na cerimónia que assinalou a conclusão da entrega de armas por parte daquela organização colombiana. Mais uma vez fica clara a assimetria entre o governo de Juan Manuel Santos e as FARC no que diz respeito ao cumprimento do Acordo de Paz negociado em Havana. Historicamente, não existe qualquer razão para confiar na boa-fé e muito menos na seriedade dos representantes da classe dominante colombiana. A última palavra pertencerá ao martirizado povo da Colômbia, num processo cujo êxito está longe de estar assegurado.

Odiario
Odiario

A situação e o futuro da CGD e dos seus trabalhadores

Eugénio Rosa    16.Jul.17    Outros autores

Contrariamente ao que a administração da CGD e os seus mentores pretendem fazer crer, há alternativas aos enormes aumentos de cortes de custos, ao despedimento de elevado número de trabalhadores, ao fecho de inúmeros balcões, e à venda de activos importantes para a CGD. Neste estudo, mais longo do que o habitual, analisam-se com detalhe os problemas mais importantes que a CGD enfrenta e aquilo que é necessário fazer e não está ser feito.

Odiario
Odiario

Um pequeno incidente no condado Cobb*

António Santos    15.Jul.17    Outros autores

Talvez se trate de um pequeno incidente. Mas acrescenta mais alguns detalhes concretos sobre o desespero dos pobres e excluídos na maior potência imperialista do mundo. E sobre uma das formas como o seu grito desesperado é atendido.

Odiario