Artículos de: Noviembre, 2017

Odiario

Aliança de Oposição hondurenha festeja vitória

As eleições presidenciais hondurenhas de 26 de Novembro parecem ter dado a vitória ao candidato da oposição, Salvador Nasralla, mas o Supremo Tribunal Eleitoral ainda não confirmou esse resultado. Registem-se, para já, dois dados politicamente significativos da biografia política de Nasralla: um, ser um dos fundadores do partido “Anticorrupção”; outro, ter assinalado a responsabilidade dos grandes media no empolamento da crise venezuelana. Talvez esses dados ajudem a explicar a demora.

Odiario
Odiario

As diferenças abissais de poder de compra entre os diversos concelhos do País

Eugénio Rosa    29.Nov.17    Outros autores

Uma das desigualdades mais graves que persistem entre os portugueses é a que que resulta de viverem em diferentes regiões do país. Segundo o INE, o poder de compra médio de um português a viver no concelho de Lisboa é 2,14 superior ao poder de compra médio nacional por habitante, e é mais de três vezes superior ao poder de compra médio de um português que viva em 121 concelhos do país. As graves desigualdades existentes são uma das consequências inevitáveis do capitalismo. Caberia ao governo procurar reduzi-las. Criada uma “Unidade de missão para a valorização do interior”, pouco ou nada se alterou.

Odiario
Odiario

Milhazes por ele próprio

José Manuel Jara    28.Nov.17    Outros autores

No leque de figuras caricatas que fazem do anticomunismo modo de vida José Milhazes tem uma posição de relevo. Como se deu ao trabalho de produzir uma «autobiografia política», trouxe ao conhecimento público elementos sobre a sua trajectória, boa parte de cujo interesse reside no que fica subentendido entre linhas.

Odiario
Odiario

Um novo sistema monetário internacional

«O dólar está em recuo perante o claro avanço do “petro-yuan-ouro”. Na realidade não se trata de uma nova petro-moeda mas de um outro esquema de moeda mundial dominante: o petro-gás-ouro-moeda. Estes factos e o seu impacto compõem o panorama do fim do dólar e da sua movimentação, agora ainda como moeda dominante de referência internacional, juntamente com o conjunto de instituições associadas à velha arquitectura, primeiro do ouro-dólar (1944-1971) e depois do petrodólar (1971-2017). Será por isso o acto fundacional do mundo multipolar do século XXI»

Odiario
Odiario

Zimbabwe: Mugabe demitiu-se*

A recente crise no Zimbabwe passou por uma intervenção das forças armadas, e evoluiu sem que se tivessem verificado quaisquer actos de violência, seja da parte destas, seja da parte de civis. Tanto quanto se sabe, trata-se de movimentos internos para resolver problemas internos. O que, a confirmar-se, será uma boa notícia para África, onde a ingerência imperialista procura manobrar em todo o lado, e agir contra independências a que as velhas potência coloniais não se conformaram.

Odiario
Odiario

Breve história da NATO de 1991 aos dias de hoje (IX, X)

Manlio Dinucci    25.Nov.17    Outros autores

O ataque EUA/NATO à Síria segue o padrão anteriormente experimentado, nomeadamente na Líbia. Mas o golpe de estado na Ucrânia traz outros elementos. No lugar da tropa de choque utilizada no Médio-Oriente, recrutada entre o terrorismo islâmico, surgem agora grupos paramilitares neonazis. A violência contra os povos assume aqui contornos mais especializados, tomando como alvo particular os comunistas e os sindicalistas. O imperialismo assume a aliança com o fascismo.

Odiario
Odiario

Dia Mundial da Ciência Pela Paz e o Desenvolvimento*

Frederico Carvalho    24.Nov.17    Outros autores

«Quando se afirma a importância da ciência e da tecnologia para o desenvolvimento e a paz importa dizer que o grande capital privado e as suas corporações se servem da ciência e da tecnologia única e exclusivamente quando isso serve os seus interesses egoístas. Fora disso vão ao extremo de negar os próprios factos científicos.»

Odiario