Artículos de: 4 Diciembre 2017

Odiario

A ficção mais cruel dos nossos dias

José Goulão    04.Dic.17    Colaboradores

José GoulãoOs exemplos da cumplicidade entre os operacionais da «guerra contra o terrorismo» e os terroristas abundam. Quando as tropas sírias e os seus aliados russos libertaram Deir ez-Zor encontraram um gigantesco arsenal do Daesh – camuflado e em abrigos subterrâneos – constituído essencialmente por armamento, munições, tanques e viaturas de transporte de fabrico norte-americano e dos seus aliados, desde as mais relevantes potências da NATO a Israel. E, agora que em alguns casos protegem a sua retirada, assumem até o risco de importar terroristas para os seus próprios países.

Odiario