Artículos de: Mayo, 2019

Odiario

Entre 2015 e 2018 os salários reais diminuem em Portugal

Eugénio Rosa    09.May.19    Outros autores

Contrariamente à ideia que o actual governo e os órgãos de comunicação social têm procurado fazer passar junto da opinião pública, o poder de compra quer das remunerações base quer do ganho médio dos trabalhadores do sector privado diminuiu entre 2015 e 2018. São os dados do Ministério do Trabalho que o confirmam.

Odiario
Odiario

Claros-escuros, sfumato e golpes de matraca macronianos para o 1º de Maio

Rémy Herrera    08.May.19    Colaboradores

As manifestações do 1º de Maio em França, e em particular a de Paris, tiveram uma muito grande expressão de massas. Em Paris foram objecto de uma repressão policial sem precedentes. A classe dominante francesa teme os coletes amarelos, mas teme ainda mais a sua convergência com o movimento sindical.

Odiario
Odiario

Espanha, ao serviço do imperialismo dos EUA

Lidia Falcón    07.May.19    Outros autores

A derrota da mais recente tentativa de golpe por parte do fantoche Guaidó não só não terá detido a ofensiva dos EUA como irá provavelmente irá fazê-la assumir contornos ainda mais agressivos. É isso que há a esperar de fascistas como Bolton, Pompeo ou Elliott Abrams. E os governos que alinham ao lado dos EUA na criminosa ofensiva contra a Venezuela bolivariana serão tão responsáveis pelo que venha ainda a acontecer como os delinquentes instalados na Casa Branca.

Odiario
Odiario

Levantamento popular e ingerência no Sudão*

Carlos Lopes Pereira    06.May.19    Colaboradores

O levantamento popular no Sudão forçou este mês o afastamento e a prisão do presidente Omar al-Bashir. Mas tratou-se de um golpe palaciano levado a cabo por oficiais comprometidos com o regime, que procuraram através de um Conselho Militar de Transição (CMT) preservar com outros rostos o poder ditatorial. A situação é tensa, com a recusa do CMT em entregar ou sequer partilhar o poder com os civis e com as massas populares a exigir o avanço de transformações democráticas. E é tanto mais grave quanto se sabe que os Estados Unidos e os seus aliados na região estão a apoiar os generais da junta militar, com as já habituais manobras de pressão e ingerência.

Odiario
Odiario

O défice de 0;5% conseguido à custa do desenvolvimento do país e do bem-estar dos portugueses

Eugénio Rosa    04.May.19    Outros autores

O governo PS não se cansa de elogiar a redução do défice orçamental da forma drástica como está a ser realizada, como isso fosse o objetivo principal de toda a política governamental. Mas o “milagre Centeno” é uma ilusão, que fica desmontada se se explicar como é que essa redução foi conseguida e quais as consequências para o país e para os portugueses. Foi conseguida à custa da degradação da Administração Pública central; da redução da despesa com Saúde e Educação; de um investimento público mais do que insuficiente. E deve lembrar-se que Centeno poupou nos direitos do povo, mas poderia ter poupado muito mais se não enterrasse milhões na banca e numa dívida impossível de pagar.

Odiario
Odiario

Para isto serviu que a Espanha e a UE reconhecessem Guaidó como presidente

Roberto Montoya    03.May.19    Outros autores

A intentona golpista de 30 de Abril na Venezuela fracassou. Ainda tardará até que sejam conhecidas todas as suas componentes e cumplicidades. Uma estava à partida adquirida: a do papel dirigente dos EUA, e a cumplicidade de países que agem como seus vassalos. O artigo foca-se em Espanha. Mas o papel do governo do PS em Portugal é igualmente vergonhoso. Veja-se a cínica e inqualificável declaração feita ontem: “total condenação de intervenções estrangeiras na Venezuela que visem manter artificialmente e contra a vontade da grande maioria da população uma situação política que impede a livre escolha pelos venezuelanos do seu futuro”.

Odiario
Odiario

O Sri Lanka no Grande Jogo dos EUA e da Índia contra a China

Nazanín Armanian    02.May.19    Outros autores

Os recentes atentados no Sri Lanka ganham um significado especial se se considerar a importância geopolítica do país, e as disputas de influência na zona. Um processo em que a ingerência e a conspiração por parte dos EUA se exercem num tabuleiro particularmente volátil, perigoso e complexo

Odiario