ODiario.info

Imprimir
Documento

Comunicado do Partido Comunista Paraguaio
Processo crítico em nosso país n o marco das tensões internacionais

Comissão Política do CC do Partido Comunista Paraguaio :: 15.04.13

O pesado clima das eleitorais no Paraguai se configura em meio aos profundos conflitos mundiais que ameaçam com um desenlace bélico de consequências desastrosas para a humanidade.

O governo ilegítimo e ilegal de Federico Franco, Presidente golpista e usurpador, preside as eleições fraudulentas do próximo 21 de abril/ 13, nas quais os questionados Horacio Cartes e Efrain Alegre, são os candidatos que – o principal eleitor – a Embaixada norte-americana/ USAID planeja impor por meio de uma escandalosa fraude, de tipo stronista.

De fato, após o Golpe de Estado parlamentar em 22 de junho passado, apenas no dia 25 do mesmo mês o Tribunal Superior de Justiça Eleitoral (TSJE) reconheceu o governo golpista e começou a aplicar a gigantesca fraude, permitindo propagandas permanentes e absolutamente desiguais que lavam dinheiro mafioso. Naturalmente, os meios massivos de comunicação são cúmplices da grande fraude eleitoral pela manifesta desigualdade nos espaços para uma ou outra proposta, deturpando ou inviabilizando algumas candidaturas e propagando outras.

O povo vai lutar nas urnas e nas ruas, defendendo a vontade da maioria a favor dos candidatos populares que se apresentem, particularmente da Frente Guasu: o Dr. Carrillo Iramaín, à Presidente da República; o dirigente camponês Luis Aguayo, à Vice-Presidente, e Fernando Lugo, ao cargo de primeiro senador e todos os candidatos a senadores, deputados, governadores e conselheiros departamentais da lista 40 da Frente.

Os ianques que interveem em nossa Pátria a favor dos Cartes e dos Alegre, dos candidatos do narcotráfico, do contrabando, da corrupção e do neoliberalismo, das transnacionais, da oligarquia da soja e pecuária, são os mesmo que agrediram e invadiram o Iraque, o Afeganistão e a Líbia, são aqueles que hoje estão ameaçando o Irã e a Coreia do Norte com as armas nucleares de extermínio maciço, com risco de extinção da vida sobre a Terra.

É conhecida a ficha mafiosa de Horacio Cartes, que algum “esquerdista” renegado admira como empresário de sucesso, assim como a condição neoliberal capitalista de Efrain Alegre, a quem se acusa de corrupto e desvio de verbas.

O imperialismo norte-americano necessita impor aos mandatários servis seus planos de converter o Paraguai em uma potência econômica, política e militar, enganando com o populismo e reprimindo nosso povo quando o mesmo se mobiliza, o que já está fazendo Federico Franco, especialmente contra os camponeses que lutam combativamente em Curuguaty (Canendiyú).

O golpe de Estado parlamentar em nosso país foi perpetrado contra nosso povo e contra o movimento de libertação nacional da Venezuela, da Bolívia, do Equador, da Nicarágua e contra o desenvolvimento democrático e soberano do Brasil, da Argentina e do Uruguai.

Quando existe crise internacional, quando existe preparação de guerra e, diretamente, existem conflitos bélicos internacionais, imediatamente são sentidas suas consequências em âmbito nacional. Assim foi, não há muito tempo, quando a “Guerra Fria” contra o comunismo, que se traduziu em nossos países no lema da “Doutrina de Segurança Nacional”, foram impostas as ditaduras terroristas, como a do General Alfredo Stroessner, hoje ponderada por Horacio Cartes, o candidato a carrasco de nosso povo.

Temos que estar alertas e mobilizados na luta por nossos direitos, através das mobilizações populares unidas e amplas, e pelos candidatos populares nos próximos comícios, participando do movimento mundial pela paz, contra o belicismo imperialista, pela autodeterminação dos povos e contra a intervenção estrangeira.

UNIDADE POPULAR E AMPLA PARA TRIUNFAR NAS RUAS E NAS URNAS!
UNIDADE ANTI-IMPERIALISTA PELA PAZ E PELO DESARMAMENTO DOS EUA!

COMISSÃO POLÍTICA DO CC
PARTIDO COMUNISTA PARAGUAIO

Assunção, 28 de março de 2013

Fonte: http://www.solidnet.org/paraguay-pagauayan-communist-party/3723-paraguayan-cp-comunicado-pcp-critico-proceso-en-nuestro-pais-en-el-marco-de-tensiones-internacionalessp
Tradução: Partido Comunista Brasileiro (PCB)


https://www.odiario.info