A redução do número de trabalhadores e da despesa com pessoal na Administração Pública e a degradação dos serviços públicos

Eugénio Rosa    25.Sep.20    Outros autores

Entre 2011 e 2015, com a “troika” e o governo do PSD/CDS, o número de trabalhadores de todas as Administrações Públicas foi reduzido em 68.641. Entre 2015 e 2019, com os governos PS, o número de trabalhadores aumentou, mas em número insuficiente para compensar totalmente os empregos destruídos no período 2011/2015. E no que diz respeito às remunerações não só não houve recuperação como houve uma quebra continuada. Foi assim que se reduziu o défice.

Ler texto completo [PDF]

Gostaste do que leste?

Divulga o endereço deste texto e o de odiario.info entre os teus amigos e conhecidos