Autor: “Carlos Fazio”

Odiario

Os EUA e a mudança de regime na Venezuela

Carlos Fazio    17.Abr.19    Outros autores

A conspiração imperialista contra a Venezuela utiliza um amplo leque de meios: militares, económicos, mediáticos, políticos, culturais. É uma guerra de “quarta geração.” Criou e preparou os seus próprios fantoches. Inflige ao povo venezuelano todas as dificuldades e violências. Mas essa constante agressão, que teve início ainda Chávez não tinha assumido o poder, ainda não quebrou a resistência bolivariana, que exige e merece toda a solidariedade do mundo.

Odiario
Odiario

López Obrador e o poder real

Carlos Fazio    05.Jul.18    Outros autores

López Obrador foi eleito para a presidência do México. O seu partido (Juntos Haremos História) ganhou 31 dos 32 estados do país. Tão significativo como essa vitória é o facto de, desde Junho, destacadas personalidades da administração Trump e jornais norte-americanos o virem hostilizando ou apresentando como um “esquerdista”. Mas, se se mantiver fiel às suas declarações de mudança e quiser que elas avancem, as maiorias eleitorais não bastarão face à poderosíssima e criminosa oligarquia e ao vizinho do norte. Só um povo mobilizado e em movimento, preparado para um duro e prolongado combate, poderá concretizar tal resultado.

Odiario
Odiario

Venezuela, a batalha da narrativa

Carlos Fazio    07.Jul.17    Outros autores

Os EUA conduzem uma guerra suja contra a Venezuela bolivariana. Levam-na a cabo com os habituais e sórdidos meios: agressão encoberta e terrorismo, e uma comunicação social internacional que deturpa e mente sobre a realidade, e encobre e justifica essa acção criminosa.

Odiario
Odiario

O Sedutor Obama

Carlos Fazio*    05.Abr.16    Outros autores

Carlos Fazio analisa neste seu texto publicado em La Jornada o que obrigou Obama, a modificar a sua postura de mais de 50 anos de guerra permanente, que chegou a incluir o terrorismo, dos EUA em relação a Cuba.

Odiario
Odiario

Espanha e a terceirização do caos na Venezuela

Carlos Fazio    01.Oct.14    Outros autores

Justifica-se plenamente que publiquemos em dias seguidos dois artigos sobre a Venezuela. Os inimigos externos e internos da Revolução Bolivariana não desistem, e dispõem de meios de acção muito poderosos. Denunciar a sua permanente actividade conspirativa, desestabilizadora e terrorista é um dever de solidariedade.

Odiario
Odiario

Como actua a contra-insurreição dos Estados Unidos

Carlos Fazio*    20.Jun.14    Outros autores

Entre as similitudes do fascismo clássico com os regimes de George W. Bush e Barack Obama, López y Rivas destaca a componente militarista das cruzadas neocoloniais actuais, a fé cega na tecnologia bélica, o favoritismo concedido às grandes corporações do chamado complexo militar-industrial, o ultranacionalismo, o racismo genocida que aniquila povos inteiros e o social darwinismo resultante da imposição a ferro e fogo das políticas neoliberais.

Odiario