Autor: “Domenico Losurdo*”

Odiario

Estaline e Hitler: irmãos gémeos ou inimigos mortais?

Domenico Losurdo*    12.Oct.17    Colaboradores

A reaccionária teoria do “totalitarismo” procura associar Hitler e Stáline e, em termos gerais, comunismo e fascismo. Este lúcido texto demonstra não só falsidade histórica da assimilação entre essas duas figuras como as reais afinidades entre as concepções do nazismo e as das outras potências coloniais, e as doutrinas racistas – nomeadamente da “supremacia branca,” ainda com tão forte expressão nos EUA dos dias de hoje. Nenhuma falsificação histórica ou teórica pode ocultar que é à URSS que se deve, no fundamental, a derrota do nazi-fascismo.

Odiario
Odiario

A “democracia para o povo dos senhores”, no passado e no presente

Domenico Losurdo*    12.Jun.13    Colaboradores

Domenico Losurdo Com exemplos simples que vão do início da revolução burguesa até ao quotidiano de todos nós, Losurdo explica-nos por que as “democracias ocidentais”, tal como a democracia na Grécia Antiga, não passaram de “democracia para o povo dos senhores”, da qual a maioria fica apartada, por vezes sem dar conta de que todos os cidadãos são iguais, só que uns são mais iguais que a minoria…

Odiario
Odiario

Uri Avnery: como a “esquerda pós-sionista” apoia a intervenção imperialista na Líbia

Domenico Losurdo*    26.Dic.11    Colaboradores

Domenico LosurdoUri Avnery define-se como um «pós-sionista». Fundou o Bloco da Paz (Gush Shalom) e milita a favor da “solução dos dois Estados (Israel e Palestina)”. Confirma-se como partidário do dispositivo militar estado-unidense/israelita no Médio Oriente. Apresentado como um ícone da esquerda radical israelita, Uri Avnery quereria ao mesmo tempo salvar o projecto sionista e reduzir o sofrimento dos palestinos. E, por outro lado, apoia a colonização da Líbia, desde que inclua um alibi humanitário.

Odiario
Odiario

Oriente Médio
Estende-se o domínio da manipulação: o que se passa na Síria?

Domenico Losurdo*    11.May.11    Colaboradores

Doménico LosurdoEnterros de polícias assassinados. No momento em que centenas de sírios, civis e militares, acabam de tombar sob os tiros de franco atiradores financiados pelos saidiris e enquadrados pela CIA, os media ocidentais acusam o governo de Bachar el-Assad de disparar sobre a sua população e sobre as suas próprias forças policiais. Esta campanha de desinformação visa justificar uma possível intervenção militar ocidental. Neste importante texto o filósofo Domenico Losurdo recorda que o método não é novo. Simplesmente, os novos meios de comunicação tornaram-no mais refinado. Doravante, a mentira não é veiculada apenas pela imprensa escrita e audiovisual, ela passa também pelo Facebook e o YouTube.

Odiario
Odiario

A Geopolítica da internet

Domenico Losurdo*    13.Oct.10    Colaboradores

Através de vários casos comprovados, Doménico Losurdo diz-nos como «Os grandes grupos Internet tornaram-se num instrumento da geopolítica EUA. Anteriormente, eram necessárias laboriosas operações secretas para apoiar movimentos políticos em países longínquos. Actualmente basta muitas vezes um pouco de técnica da comunicação manobrada a partir do ocidente […] O serviço secreto tecnológico dos EUA, a National Security Agency, está em vias de montar uma organização totalmente nova para as guerras na Internet».

Odiario
Odiario

O novo crime de Israel indigna mas não surpreende

Domenico Losurdo*    24.Jun.10    Outros autores

Domenico LosurdoDepois de recordar o apelo de diversas organizações palestinas e de algumas organizações de solidariedade com a sua luta para um grande boicote internacional às mercadorias provenientes de Israel, Doménico Losurdo recorda-nos a legitimidade desta forma de luta e alguns casos passados de sucesso.

Odiario
Odiario

Os anos de Lenine e Estaline
Um primeiro balanço

Domenico Losurdo*    11.Dic.09    Outros autores

Domenico Losurdo
Publicamos hoje um excerto do livro Fuga da História? de Domenico Losurdo, editado pela Cooperativa Cultural Alentejana, com o patrocínio de odiario.info.
Esta obra pode ser enviado pelo correio, bastando para isso fazer o pedido para catarinaalmeida3@gmail.com, indicando o número de exemplares.

Odiario