Autor: “José Goulão”

Odiario

Os profetas do vírus

José Goulão    31.Mar.20    Outros autores

As pandemias têm as suas oportunidades de negócio. As entidades que montaram o Event 201 com um coronavírus inventado são as mesmas que se preparam para extrair avultados dividendos com o coronavírus verdadeiro.

Odiario
Odiario

Abaixo a pandemia, viva a guerra!

José Goulão    16.Mar.20    Outros autores

Enquanto a Europa se vai imobilizando, minada pelo novo coronavírus, quase 40 mil efectivos da NATO estão a ser distribuídos através do continente para os jogos de guerra Defender Europe 2020. Como sempre a reboque dos EUA a UE participa empenhadamente, enquanto a OMS aponta a Europa como o actual centro da pandemia e aconselha medidas radicais de contenção. Mas o que move a NATO não é preservar vidas, é expandir a ameaça da guerra.

Odiario
Odiario

Propaganda britânica encena a guerra da Síria

José Goulão    02.Mar.20    Outros autores

A Grã-Bretanha está, como os EUA, em decadência. Mas a sua classe dirigente continua a alimentar a nostalgia do império “onde o sol nunca se punha” como se pode constatar, por exemplo, pelas posições que assume em relação a Hong Kong ou à Síria. Desde os “capacetes brancos” ao «jornalismo cidadão» que alimenta a comunicação social corporativa, tudo é afinal conspirado, contratado e pago pelo governo britânico.

Odiario
Odiario

Os inquietantes mistérios do voo TP173 para Caracas

José Goulão    21.Feb.20    Outros autores

O voo da TAP em que se deslocaram o fantoche Guaidó (com outro nome) e um seu tio (com colete à prova de bala e explosivos na bagagem) exige esclarecimento cabal. A argumentação e as bravatas de Santos Silva, as opiniões de Marcelo e o sacudir de água do capote da TAP nada dizem sobre o que já é conhecido. O governo envolveu o país no inqualificável “reconhecimento” de um instrumento dos EUA no ataque à Venezuela. Resta saber se o não terá envolvido em manobras ainda mais sujas.

Odiario
Odiario

O terrorismo e a mãe de todas as mentiras

José Goulão    18.Feb.20    Outros autores

Todos os dados conhecidos sobre o assassínio do general iraniano Qasem Soleimani mostram os EUA, a NATO e os media ao seu serviço como aquilo que realmente são: instituições e gente sem escrúpulos que não hesita em cometer qualquer crime, seja com que pretexto for. Desde assassínios a sangue-frio às maiores falsidades e a promover e apoiar-se em todo o género de organizações criminosas, incluindo os terroristas que dizem combater.

Odiario
Odiario

O petróleo, o Médio Oriente e a guerra civil imperialista

José Goulão    20.Ene.20    Outros autores

Um Médio Oriente em pé de guerra é uma alternativa cultivada para afectar regimes e governos que não sejam submissos a Washington ou que tenham a ousadia de negociar hidrocarbonetos em outras moedas que não seja o dólar.

Odiario
Odiario

Duas semanas que arrepiaram o mundo

José Goulão    11.Ene.20    Outros autores

O assassínio do general Qassem Soleimani confirma a tendência norte-americana para ajustar contas com pessoas, entidades e organizações que combatem o terrorismo oriundo do tronco comum afegão. Este assassínio é, aliás, uma indiscutível acção terrorista quem nem as habituais justificações difundidas em massa pelos media conseguem disfarçar. E responsáveis portugueses envergonham mais uma vez o país: o governo PS por cá, na ONU o secretário-geral Guterres.

Odiario