Autor: “Pedro Guerreiro”

Odiario

Um povo levantado*

Pedro Guerreiro    22.Ene.13    Outros autores

Pedro Guerreiro O que dói às forças reaccionárias na Venezuela e ao imperialismo é que ao longo dos últimos 14 anos, ultrapassando insuficiências, encontrando soluções para complexos problemas e vencendo duras provas, a Revolução Bolivariana avançou. Perante os enormes desafios que se colocam aos trabalhadores, ao povo venezuelano e às suas forças revolucionárias, perante a permanente acção desestabilizadora e provocatória das forças reaccionárias e golpistas e a ingerência imperialista, impõe-se uma activa solidariedade internacionalista.

Odiario
Odiario

Escalada de guerra*

Pedro Guerreiro    20.Ene.12    Outros autores

PEDRO GUERREIROOs EUA procuram encurralar o Irão, arquitectando o pretexto para mais uma etapa da guerra imperialista, cujas frentes mais activas e mais perigosas se situam no Médio Oriente. Num momento em que o capitalismo se confronta com a agudização da sua profunda crise, a escalada de guerra promovida pelos EUA no Médio Oriente representa uma ameaça para todos os povos do mundo.

Odiario
Odiario

NATO - O novo conceito estratégico

Pedro Guerreiro*    26.Sep.10    Outros autores

PEDRO GUERREIROO governo PS chefiado José Sócrates, com Luís Amado nos Negócios Estrangeiros, sublinhe-se, é um seguidor incondicional do imperialismo norte-americano e da sua política belicista como o demonstra este texto de Pedro Guerreiro

Odiario
Odiario

A Besta da Guerra

Pedro Guerreiro*    27.Feb.10    Outros autores

Pedro Guerreiro

“Por mais silenciada e desvirtuada que seja, a verdade é que os povos (sempre) resistem e lutam pela sua libertação. Só assim se poderão entender os repetidos esforços do imperialismo para impor a sua dominação e tutela colonial, através de todas as formas, incluindo a utilização da máquina de agressão que é a NATO”.

Odiario
Odiario

2010
A luta pela Paz

Pedro Guerreiro*    06.Ene.10    Outros autores

Pedro Guerreiro

“Passado quase um ano sobre a eleição de Obama como presidente dos EUA, e apesar da imensa operação ideológica realizada em seu redor, é cada vez mais claro que a agenda estratégica e militarista da actual Administração norte-americana prossegue os mesmos objectivos fundamentais que a anterior”.

Odiario
Odiario

Um ponto num i…

Pedro Guerreiro*    01.Nov.09    Colaboradores

PEDRO GUERREIRO
“… Bem pode o PS tentar fazer crer que a responsabilidade de um não «entendimento» à esquerda não é sua, mas de outros, que não faz mais do que «sacudir a água do capote».
No fundo, driblando com a denominada «estabilidade governativa» e os proclamados «espírito aberto» e «abertura a todas as possibilidades» (…), o PS apenas procura escamotear a sua não ruptura com a política de direita que realizou e pretende continuar a realizar”.

Odiario
Odiario

Águias, falcões e abutres…

Pedro Guerreiro    04.Abr.09    Outros autores

Pedro Guerreiro Está a decorrer em Estrasburgo (França e Kehl (Alemanha) a Cimeira da NATO, evocativa dos 60º aniversário da criação daquela agressiva e belicista organização.
O objectivo anunciado é um «novo» conceito estratégico, traduzido em linguagem comum significa “a militarização da UE, como pilar europeu da NATO”, para “dar resposta às ambições e aos interesses das grandes potências europeias – Alemanha, França e Grã-Bretanha –, que, procurando ultrapassar contradições entre si, tentam reequilibrar as suas posições no quadro da concertação/rivalidade com os EUA. Daí o chamado retorno da França à estrutura militar da NATO.”

Odiario