:: Colaboradores

Odiario

«Mudanças de regime» EUA: O Registo Histórico

James Petras    13.Feb.19

As tentativas EUA de “mudança de regime” na América Latina têm um registo histórico contraditório. Mas existe uma constante: em todos os casos em que tiveram sucesso, os fantoches instalados no poder formaram brutais ditaduras antipopulares e antinacionais.

Odiario
Odiario

A urgência de um «Grande Debate» sobre a União Europeia

Rémy Herrera*    28.Ene.19

Em França, mesmo homens de direita querem centrar o “Grande Debate” (que Macron diz estar aberto) na questão do euro. Assumem-no pela razão básica de que o projecto europeu não é reformável a partir de dentro, pela lógica que o opera, e deve ser desconstruído. Mas enganam-se ao imaginar que o caminho para sair da crise é capitalista. E é aí que reside toda a dificuldade de construir alternativas para os povos.

Odiario
Odiario

A estratégia perdedora do presidente Trump: abraçar o Brasil e enfrentar a China

James Petras    22.Ene.19

Os países que Washington escolhe como aliados e como inimigos dizem muito sobre a marcha actual do imperialismo EUA: o seu projecto de dominação global só pode ser conseguido pela violência e pela agressão militar, e por uma aliança com que haja de mais reaccionário nos cinco continentes. Mas essa perigosa estratégia nem dentro dos próprios EUA é hegemónica.

Odiario
Odiario

A mobilização dos Coletes Amarelos não enfraquece

Rémy Herrera    19.Ene.19

No dia de hoje haverá nova mobilização dos «coletes amarelos» em França. Os sinais deixados pelas semanas anteriores são inequívocos: não só a mobilização não enfraquece como o Presidente Macron deixou de aparecer em público, de tal forma é generalizado o repúdio público pela sua governação.

Odiario
Odiario
(intensificação das contradições interimperialistas)

Os satélites estão a mudar de sol

Angeles Maestro    01.Ene.19

Um dos aspectos centrais da análise da actual fase do capitalismo – a fase imperialista – reside na compreensão da importância das contradições interimperialistas. Tendo em conta, em primeiro lugar, que essas contradições conduziram no século passado a duas guerras mundiais. E, em segundo lugar, que se trata de contradições internas a um sistema, e que a luta dos trabalhadores e dos povos só pode ter como objectivo pôr fim a esse sistema, antes que seja ele a pôr fim à própria humanidade.

Odiario
Odiario

Entre as duas mandíbulas do torno da extrema-direita

Rémy Herrera    27.Dic.18

Realizou-se a 22 de Dezembro o «Acto VI» na luta dos coletes amarelos em França. Para além de particularidades que são sinal não só de organização, mas de uma organização capaz de iludir os serviços de informações, verifica-se com crescente clareza que, em vez de responder a reivindicações que Macron reconheceu já serem legítimas, a opção do poder é a da intensificação da acção de um aparelho repressivo de Estado onde a extrema-direita tem uma muito forte presença.

Odiario
Odiario

Um mundo de Detonadores Múltiplos de Guerras Globais. Guerras por Procuração

James Petras    22.Dic.18

Os EUA empreendem múltiplos tipos de agressão apontados a impor um mundo unipolar. No seu centro estão guerras comerciais contra a China; conflitos militares regionais com a Rússia e sanções económicas contra o Irão. Os seus insucessos relativos conduzem a uma perigosa ameaça de guerra nuclear global.

Odiario